Avatar, filme das últimas décadas?

Bom, se é, eu não sei, mas gostei muito do filme. Li em alguns lugares que é uma história batida e que tem toda essa “chatice ecológica”, mas, batida por que? E tem esse lance de ecológico sim, mas acredito que não seja uma chatice… Temos que aprender muito com esse povo de Pandora (planeta onde se passa o filme).

É, estive buscando coragem para começar a escrever esse post… Pra começar essa análise/resenha, vou colocar uma frase que escutei de uma rapaz ao sair da sala de cinema, que estava atrás de mim:

“É, o filme é legal, mas é uma ficção que não existe, sem falar que a minha vó ficaria louca se assistisse algo assim, já que no tempo dela não tinha nada igual”.

Primeiro, ficção normalmente não existe, temos uma redundância aí. Segundo, acho que têm (não sei, acho que agora, com o novo acordo ortográfico, não tem acento, mas, aprendi assim) aspectos mais importantes e relevantes do que “apenas” a qualidade gráfica do filme. Irei falar um pouco deles.

Achei bem interessante a meneira como os nativos do planeta Pandora vivem e convivem com a natureza, a harmonia entre eles, é algo muito belo e que se fossemos metade disso, o planeta Terra não pediria Socorro como está fazendo. =/

Em um trecho do filme, a personagem que aparece na imagem, decide matar um animal que ameaçava o protagonista do filme. Ao matá- lo, ela diz algumas palavras, algo como uma oração. O protagonista então agradece-a. Ela fica brava com ele, já que não queria matar o animal e teve que fazer para salvá- lo. No decorrer do filme, vi que sempre que se mata algum animal da “Mãe natureza” (chamada por outro nome), faz- se a tal oração, em respeito ao animal morto. Muito belo isso… Apesar de matar, respeita- se.

Ponto interessante também é como eles, os nativos, sentem tudo ao redor, tanto a fauna quanto a flora, sendo que esse segundo é um espetáculo à parte. Imagens muito belas, tanto de noite quanto de dia, fiquei em dúvida de qual era mais bonito.

Em partes, fiquei com raiva dos humanos, da maneira dominadora com que fizeram tudo, desde o início… Duro é saber que durante a história real também foi e é assim, com astecas, incas, maias, índios, recentemente com iraquianos (petróleo), sempre destruíndo um povo querendo as tuas riquezas… Triste isso.

Apesar de longo, não foi cansativo para mim. Confesso que achei que seria, tanto que comprei pipoca grande e refri grande, hehe, com medo de ficar com fome lá dentro da sala. =P

James Cameron criou um mundo diferente, habitantes e idiomas também, animais, tudo! Algo parecido com o que Tolkien fez com Senhor dos Anéis. Mérito para ele! Sem falar que eu achei mesmo que esses seres existiam, de tanto que entrei no filme e de como foram bem feitos. Acho que isso é também porque, quando não há referência, se pode ousar mais (fazer um humano 3d é complicado, pois basta comparar com a tua imagem no espelho e já acha erro).

Ah, conclusão é: filme muito bom tecnicamente, visualmente. História trata de um tema bem atual, conservação da natureza (também esse). Super recomendo.

Nota 5, lembrando que o máximo é 5.

Tá, eu falo de animações e talz, por que falar desse filme? Tem muito 3d nele! =)

Outra coisa, vendi meu Mac recentemente. Tenho que usar o computador da família, que é bem concorrido, além de ser Windows (eu e ele não nos damos bem), então não estou fazendo 3d algum e posts serão um pouco raros durante um tempo, sorry! =P

Abraço!

Anúncios

Sobre Denis Nascimento

Denis Francisco do Nascimento tem 24 anos e desde pequeno sempre gostou muito de desenhos, queria ser desenhista quando maior fosse! Não sei se por desleixo ou falta de "dom", ainda não sabe desenhar direito... =P... Acabou conhecendo a modelagem e animação 3D e gostou muito. Pintura também acha interessante! =)
Esse post foi publicado em 3D, Animação, Geral, Resenha e marcado , . Guardar link permanente.

5 respostas para Avatar, filme das últimas décadas?

  1. Rodolfo disse:

    Cara achei muito massa o filme, quanto a qualidade das imagens, não vi muito bem, pois assisti em dvd pirata rs. Mas achei muito bom o filme, pois demonstra que quando cuidamos bem do que temos, ficamos felizes, e não a pessoa alguma que possa acabar com esta felicidade.

    • Denis Nascimento disse:

      Hehehehe, se ainda estiver passando nos cinemas, recomendo que vá assistir, acredito que seja bem diferente! =)
      Verdade!!
      Abraço! Obrigado pela visita!

  2. Fernanda disse:

    Eu amei esse filme,a historia dele é linda tudo nele é muito bom eu me senti dentro de um mundo que sempre sonhei ^.^

    A tristeza deles em ter que matar um animal o respeito deles com a natureza….O respeito deles entre si….

    Tudo em harmonia =D

    Se o povo humano respeitasse o planeta terra como os Na`Vi respeitam “a” Eywa tudo seria bem melhor…

    • Denis Nascimento disse:

      Olá.
      Sem dúvida, seria interessante se o impacto do filme não ficasse apenas na bilheteria matadora ou na quantidade de Oscar’s, mas que cada um olhasse para dentro de si e pensasse sobre como vivemos, como tratamos os outros e a Terra também… Que aprendessemos com eles…
      Obrigado pela visita e pelo comentário!

  3. Pingback: Os números de 2010 (do blog) « Blog do Denito

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s